Dra Ana Carolina Nobre Câncer de mama no Rio de Janeiro

CRM : 52.79324-8

Formação Acadêmica :

– Graduação na Faculdade de Medicina Souza Marques 2005;
– Residência Médica em Clínica Médica no Hospital Geral de Nova Iguaçu 2006 – 2008;
– Residência Médica em Oncologia Clínica no Hospital Mario Kroeff 2008 – 2011;
– Observership Medical Oncology Clinic no Institut Jules Bordet Bruxelas, Bélgica 2010;
– Mestre em Medicina pela Universidade do Porto, Portugal 2013;
– Observership Johns Hopkins Hospital and Cancer Center nos serviços de Medical Oncology Outpatient Clinic, Gastrointestinal Oncology Clinic, Pancreatic Cancer Multidisciplinary Clinic and the Solid Tumor, Baltimore, Estados Unidos 2015.

Experiência Profissional :

– Médica Oncologista da Clínica Oncologistas Associados (Oncologia d´Or) desde 2011;
– Médica Oncologista do Hospital Federal da Lagoa (HFL) desde 2010;
– Chefe do Serviço de Oncologia Clínica do Hospital Federal da Lagoa desde 2015;
– Médica Oncologista da Pesquisa Clínica do Instituto Nacional do Câncer (INCA) de 2011 a 2014;
– Membro Associado da Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC) desde 2011;
– Membro Associado da American Society of Clinical Oncology (ASCO) desde 2011;
– Membro Associado da European Society of Medical Oncology (ESMO) desde 2011;

 

Endereço 1 : Avenida das Américas, 3.500 – Edifício Londres – Oncologia D’or

Bairro : Barra da Tijuca – Rio de Janeiro – RJ

Telefone : (21) 3326-2117

 

Endereço 2 : Rua Sorocaba, 654

Bairro : Botafogo – Rio de Janeiro – RJ

Telefone : (21) 2126-0305

 

Endereço 3 : Estrada dos Três Rios, 1530 – Salas 211 e 212

Bairro : Jacarepaguá – Rio de Janeiro – RJ

Telefones : (21) 2448-3500 / (21) 2408-3435

Site : www.anacarolinanobre.com.br

Facebook : https://www.facebook.com/DraAnaCarolinaNobre

Instagram : @draanacarolina
0

O que é o câncer de mama ?

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação anormal de células da mama. É o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do de pele não melanoma, respondendo por cerca de 25% dos casos novos a cada ano.

Relativamente raro antes dos 35 anos, acima desta idade sua incidência cresce progressivamente, especialmente após os 50 anos.

Estatísticas indicam aumento da sua incidência tanto nos países desenvolvidos quanto nos em desenvolvimento. Existem vários tipos de câncer de mama. Alguns evoluem de forma rápida, outros, não. A maioria dos casos tem bom prognóstico, principalmente quando diagnosticados precocemente.

Nos homens, o câncer da mama é muito raro. Há cerca de 350 homens diagnosticados a cada ano, em comparação com cerca de 50.000 casos de câncer de mama em mulheres.