Dra Paula Freire Nódulo de tireoide em Brasília

Dra Paula Freire Nódulo de tireoide em Brasília

Dra Paula Freire Nódulo de tireoide em Brasília

Dra Paula Freire

CRM DF 24821

Endocrinologista

Médica

Currículo :

Formação acadêmica
– Graduada em Medicina pela Universidade de Santo Amaro – São Paulo/SP- (2005-2010)
– Residência Médica em Clínica Médica pelo Hospital Santa Marcelina – São Paulo/SP – (2012- 2014)
– Especialista em Endocrinologia e Metabologia pelo Hospital Santa Casa de Misericórdia de São Paulo (2014 -2016)
– Título de Especialista em Endocrinologia e Metabologia – SBEM
– Membro da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia (SBEM)
– Membro da Endocrine Society

Área de atuação
– Obesidade e Sobrepeso
– Distúrbios em Gônadas – Dentre elas deficiência em testosterona e Síndrome do Ovário policístico (SOP)
– Dislipidemia – Distúrbios que cursam com alteração do colesterol, entre elas elevação de triglicérides, elevação de LDL e elevação de colesterol total.
– Diabetes – Distúrbios do metabolismo da glicose, inclui a pré diabetes, diabetes mellitus tipo I, diabetes mellitus tipo II, diabetes gestacional, diabetes MODY, diabetes LADA.
– Doenças da Tireoide – Doenças como hipotireoidismo, hipertireoidismo e Nódulos da tireoide.
– Doenças do Osso – Alterações da massa e microarquitetura óssea como osteopenia, osteoporose, deficiência de vitamina D.
– Doenças da Hipófise – “Glândula mestra” que comanda outras glândulas. Inclui doenças como Prolactinoma, Doenca de Cushing, Acromegalia, Adenoma não funcionante.
– Doenças da Adrenal – Glândula próxima ao rim que secreta hormônios. Engloba alterações com Insuficiência adrenal, síndrome de cushing, nódulo em adrenal.

Médica

Endereço : SGAS 610/611 – Bloco 1 – Sala 105 – Centro Clínico Lúcio Costa
Localidade : Asa Sul – Brasília – DF
Telefones : (61) 3346-1440 / (61) 98649-1001 (WhatsApp)
Atendimento às terças e sextas à tarde.

Site : www.primantis.com.br

3

Nódulo de Tireoide

Um nódulo tireoidiano é uma lesão dentro do parênquima da tireoide que tem características radiologicamente distintas do parênquima ao redor.

O USG da Tireoide com dopller é o exame mais sensível para a avaliação de nódulos de tireoide. São avaliadas algumas características como tamanho da glândula, número de nódulos, localização, tamanho dos nódulos, ecogenicidade, heterogeneidade, delimitações, halo, calcificações, vascularização, presença de componente cístico e de linfonodos suspeitos.

A correta avaliação é importante para excluir o carcinoma diferenciado de tireoide (CDT), que corresponde a 5 a 15% dos nódulos. Os CDT (papilíferos e foliculares) compreendem de 90 a 95% de todos os cânceres de tireoide, e sua incidência vem aumentando muito provavelmente devido ao uso cada vez mais frequente de ultrassonografia (USG) como rastreio da população geral.

Leave a Comment

*Required fields Please validate the required fields

*

*