Dr Bruno Seara Serrano Cirurgia do diabetes em Botafogo

Dr Bruno Seara Serrano Cirurgia do diabetes em Botafogo

Dr Bruno Seara Serrano Cirurgia do diabetes em Botafogo

Dr Bruno Seara Serrano

CRM : 52.80763-0

Cirurgião Geral

Currículo :

Formação Profissional

– Graduação em Medicina na Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ. Conclusão em julho/2006.

– Residência Médica em Cirurgia Geral no Hospital Orêncio de Freitas, Niterói, RJ. Fev 2007 a Fev 2009.

– Residência Médica em Cirurgia Geral Videolaparoscópica no Hospital Geral do Andaraí, Rio de Janeiro, RJ. Mar 2009 a Fev 2010.

– Licenciatura em Medicina pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, Porto, Portugal. Grau de Equivalência. Jan 2007.

Filiação Profissional

– Membro Titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica – SBCBM

– Membro Associado do Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva – CBCD

– Membro Associado da Sociedade Brasileira de Cirurgia Minimamente Invasiva e Robótica – SOBRACIL

– Membro Associado International Federation for the Surgery of Obesity and Metabolic Disorders – IFSO

Médico

Endereço : Rua Real Grandeza, 108 – Sala 129 – Real Medical Center
Bairro : Botafogo – Rio de Janeiro – RJ
Telefones : (21) 2226-6391 / (21) 2226-6392 / (21) 2226-6395 / Telefone WhatsApp : (21) 96811 8135

3

Cirurgia do diabetes

A cirurgia metabólica é realizada com objetivo de tratar o Diabetes tipo 2 e também a síndrome metabólica, por essa razão também é conhecida como a cirurgia do diabetes.

Diabetes é uma doença grave e de caráter progressivo, capaz de promover o surgimento de diversas outras complicações e seu tratamento com medicamentos tem altas taxas de insucesso; a cirurgia metabólica agora faz parte do arsenal terapêutico.

Podem se candidatar a cirurgia metabólica os pacientes diabéticos com obesidade leve a partir do IMC 30Kg/m2.

O controle da glicemia acontece antes mesmo do emagrecimento e ele ocorre em função de alterações endócrinas (hormonais) que ocorrem no trato gastrointestinal após a cirurgia.

A cirurgia também promove modificação da microbiota (flora bacteriana) intestinal, tornando-se mais semelhante à de pessoas com menos peso, auxiliando no controle da síndrome metabólica.

As técnicas que podem ser realizadas são as mesmas permitidas na cirurgia bariátrica, mais comumente a Gastroplastia redutora com by pass em Y de Roux e a gastrectomia vertical (Sleeve).

Essas modificações resultam em importante melhoria na qualidade de vida, redução do risco de doenças cardiovasculares e portanto em aumento da expectativa de vida.

Marque sua consulta para mais informações e tratamento.

Atendimento particular e convênios.

Leave a Comment

*Required fields Please validate the required fields

*

*